Guia para comprar fitas led

Aqui você encontrará informações básicas sobre fitas led e como podem ser instaladas. 



Voltagem

As fitas led funcionam em 12 volts, e portanto podem ser instaladas em automóveis. 
Para instalação em residências será necessário uma fonte de alimentação 12 volts (também conhecida como driver).

Potência

A potência (capacidade de iluminação) varia. O modelo de entrada consome 4,8 watts por metro. Em um rolo de 5 metros o consumo é de 24 watts. Para as fitas RGB (aquelas que mudam de cor) o modelo de entrada consome 7,2 watts por metro (36 watts por rolo).

Existem modelos que consomem até 72 watts por rolo, e por isso contam com uma iluminação mais forte.


Blindagem

De uma forma simplificada, os tipos mais comuns de blindagem são:
IP20 - sem proteção contra água
IP65 - proteção contra respingos e jatos de água (ideal para ambientes úmidos, sujeitos a jatos de água ou chuva)
IP68 - submersão (ideal para piscinas)


Escolha da fonte de alimentação

Para instalação em residências.

Dica: A voltagem da fonte (ou driver) será sempre 12 volts, o que varia é a potência

A fonte de alimentação deverá ter uma potência igual ou superior a potência consumida pela fita. Assim, para uma fita com 24 watts de consumo, escolha uma fonte com 24 watts ou mais, ou seja, uma fonte 12 volts com 24 watts.

Dica: o consumo da fita pode ser informado por metro - por exemplo - 4,8 watts por metro. 

Exemplo: para instalar 3 metros da fita com consumo de 4,8 watts por metro. 
O consumo total será de 14,4 watts.
Uma fonte de 12 volts com 14,4 watts (ou mais) será necessária.

Dica: se a fonte especifica uma capacidade de 5 àmperes, qual seria sua potência? Neste caso, basta multiplicar por 12 volts. assim, 5 x 12 = 60 watts.

Portanto, ao adquirir o rolo de fita, informe-se sobre a potência. 

Dica: é recomendável uma sobra de 10% a 15% de potência. Por exemplo, se a fita consumir 50 watts, opte por uma fonte com capacidade superior a 55 watts.


Instalação

Instalar uma fita led é muito simples. Basta conectar a saída da fonte nos terminais da fita led, e plugar a fonte na tomada elétrica. Nenhuma ferramenta é necessária.




Para instalar a fita led RGB o processo é similar. A única diferença é que entre a fita e a fonte é preciso conectar o módulo de controle da fita.


Dica: a fita led tem polaridade, e portanto deve-se observar a correta posição dos terminais positivo e negativo. A boa notícia é que a inversão dos terminais não provoca a queima da fita. 

Além da possibilidade de escolha das cores, a vantagem das fitas RGB é poder atribuir efeitos decorativos e controlar a intensidade do brilho, tudo por controle remoto.

Dica: o controlador remoto para fitas led RGB possui um pedaço de fio com um sensor óptico na extremidade (na imagem, uma pontinha preta). Esse sensor recebe os sinais do controle remoto. Certifique-se de que o sensor não fique oculto dentro do gesso ou móvel, do contrário o controle remoto não funcionará.


Use o quanto precisar

Uma das características mais versáteis da fita led é que ela poderá ser cortada para se adequar ao espaço. Para isso, utilize uma tesoura comum. Os pontos de corte são impressos na fita, geralmente a cada 6 cm.

Dica: a fita led é autocolante. Basta remover a proteção plástica e colar aonde quiser.


Efeitos e dimmer para fitas unicolor

É possível atribuir efeitos luminosos e controle de intensidade nas fitas unicolores, assim como é feito com as fitas RGB. Para isso basta ligar um módulo de controle entre a fita e a fonte. 

Dica: Esse módulo também é conhecido como mini-dimmer.


Existem também controladores remotos para fitas led unicolores.


Instalação múltipla de fitas branca ou unicolor

Para instalar mais que um rolo fita led podemos utilizar uma fonte para cada rolo ou uma fonte única. Nesse último caso, a fonte deverá suportar a soma da potência de todos os rolos. 

Exemplo: para instalar 2 rolos da fita com consumo de 24 watts por rolo. 
O consumo total será de 48 watts.
Uma fonte de 12 volts com 48 watts (ou mais) será necessária.

Dica: ao ligar mais de um rolo de fita com a mesma fonte, faça a ligação em paralelo da fita até a fonte. A ligação em série poderá danificar a fita.


Instalação múltipla de fitas RGB

Para fitas RGB o segundo rolo pode ser ligado através de um conector tipo Y.


É como um benjamim elétrico: ligam-se os dois rolos de fita nos dois conectores de saída, e o controlador no conector de entrada. A fonte nesse caso pode ser única e deverá suportar a potência das duas fitas.

Exemplo: para instalar 2 rolos da fita com consumo de 36 watts por rolo. 
O consumo total será de 72 watts.
Uma fonte de 12 volts com 72 watts (ou mais) será necessária.

Para ligar 3 ou mais rolos de fitas RGB é preciso distribuir o fornecimento de energia através de fontes complementares, Adicionalmente, para que a mudança de cor seja sincronizada em todos os rolos, é necessário utilizar mini-amplificadores RGB.

Para compor esse cenário você precisará:
1      controle remoto ou mini-controle RGB
N     rolos de fita RGB
N     fontes (cada uma com capacidade para iluminar um rolo de fita)
N-1  mini-amplificadores

Assim, com um único controle central, podemos operar um ilimitado número de rolos de fita RGB.